Molho Pesto da Vovó que vai deixar seus pratos perfeitos

Corre aqui e se surpreenda com esse Molho Pesto da vovó que é uma delícia.

Molho Pesto da Vovó que vai deixar seus pratos perfeitos
Freepik

Sem dúvidas, nada como um bom molho pesto para trazer à tona memórias felizes e cheias de sabor. Esta receita de molho pesto que aprendi com minha avó é perfeita para acompanhar massas, saladas ou até mesmo para dar um toque especial a sanduíches. A simplicidade dos ingredientes, combinada com o frescor das ervas, faz deste molho um verdadeiro clássico que não pode faltar na sua cozinha.

Publicidade

Como Surgiu a Receita de Molho Pesto

O molho pesto tem suas origens na região da Ligúria, no noroeste da Itália, mais precisamente em Gênova. O nome “pesto” vem da palavra italiana “pestare”, que significa “amassar” ou “esmagar”, referindo-se à maneira tradicional de preparar o molho usando um pilão e um almofariz. Esta técnica garante que todos os sabores dos ingredientes frescos se misturem perfeitamente, criando um molho aromático e delicioso.

Quantas Calorias tem a Receita de Molho Pesto?

A receita de Molho Pesto tem aproximadamente 120 calorias em 100 gramas.

Informações Nutricionais da Receita de Molho Pesto

  • Tipo: Molho
  • Tempo de Preparo: 10 minutos
  • Tempo de Fogo: 0 minutos (não vai ao fogo)
  • Tempo Total: 10 minutos
  • Rendimento: 1 xícara (aproximadamente 240 ml)
  • Calorias: 120 calorias por 100 gramas

Receita de Molho Pesto

Ingredientes

  • 2 xícaras de folhas de manjericão fresco
  • 1/2 xícara de azeite de oliva extra virgem
  • 1/3 xícara de pinhões (pode substituir por nozes ou castanhas)
  • 2 dentes de alho
  • 1/2 xícara de queijo parmesão ralado
  • Sal a gosto
Molho Pesto
Molho Pesto

Modo de Preparo

  1. Preparar os Ingredientes: Lave bem as folhas de manjericão e seque-as com cuidado. Descasque os dentes de alho.
  2. Processar: No liquidificador ou processador de alimentos, adicione o manjericão, os pinhões, o alho e uma pitada de sal. Processe até que todos os ingredientes estejam bem triturados.
  3. Adicionar o Azeite: Com o processador ainda ligado, adicione o azeite de oliva aos poucos, até obter uma mistura homogênea e cremosa.
  4. Incorporar o Queijo: Adicione o queijo parmesão ralado e misture bem. Se necessário, ajuste o sal.
  5. Armazenar: Transfira o molho para um pote de vidro esterilizado e cubra com uma fina camada de azeite para evitar a oxidação. Guarde na geladeira.

Dicas de Preparo

  • Use sempre ingredientes frescos para obter o melhor sabor.
  • Se preferir um pesto mais suave, adicione menos alho.
  • Para um toque diferente, experimente substituir os pinhões por nozes ou castanhas-do-pará.
  • Caso não tenha um processador, use um pilão e um almofariz para amassar os ingredientes à moda antiga.

Variedades da Receita

  • Pesto de Rúcula: Substitua o manjericão por rúcula e os pinhões por nozes. O sabor ficará mais picante e amargo, perfeito para quem gosta de ousar.
  • Pesto de Coentro: Troque o manjericão por coentro e adicione um pouco de pimenta. Ideal para pratos com um toque latino.
  • Pesto Vermelho: Adicione tomates secos ao manjericão e ao restante dos ingredientes para um pesto com uma cor vibrante e sabor um pouco mais doce.

Como Servir e Armazenar Molho Pesto

O molho pesto é extremamente versátil. Sirva-o misturado com massas quentes ou frias, como tempero para saladas, em sanduíches, ou até mesmo como molho para carnes e peixes grelhados. Para armazenar, mantenha o pesto em um pote hermético na geladeira por até uma semana. Se desejar conservar por mais tempo, você pode congelar o pesto em formas de gelo e depois transferir os cubinhos para um saco plástico, assim você terá pequenas porções sempre à mão.

E aí, gostou da receita? Agora é só colocar a mão na massa e aproveitar esse molho incrível que, com certeza, vai trazer muito sabor e alegria para seus momentos em família! Buon appetito!

Publicidade