Como voltar para a dieta depois da Páscoa?

Depois de muita comilança achamos que todo nosso esforço de ter uma vida mais saudável está perdido. Mas não desista! Veja com o AnaMaria Receitas como recuperar a dieta depois da Páscoa!

Como voltar à dieta depois da páscoa

A Páscoa é um feriado muito gostoso, tanto em momentos em família quanto nas comidinhas que temos à mesa. Por isso é muito comum abusar um pouco e comer mais do que o necessário. E mais comum ainda ficar com um leve (ou forte) desespero na segunda-feira, pensando em como será impossível recuperar a dieta depois da Páscoa. Mas calma! O AnaMaria Receitas trouxe algumas dicas para você voltar à rotina saudável sem desespero e da melhor forma possível. Confira!

Publicidade

Hidratação em primeiro lugar

Aquele inchaço e indisposição depois de uma boa refeição é completamente natural, afinal, seu corpo não estava acostumado a comer aquelas comidas nem aquela quantidade. Mas uma das maneiras de aliviar essa sensação desagradável é mantendo seu corpo bem hidratado.  

Já sabemos que a água pode trazer diversos benefícios para o nosso corpo, e um deles é a melhora na digestão. Por compor grande parte do suco digestivo, quando bebemos bastante água durante o dia, nossa digestão ocorre de maneira mais leve e agradável, mesmo depois de um almoço mais do que especial. 

Outra dica é investir em chás. Além de conterem os mesmos benefícios da água, os chás podem entrar como um reforço para conter o enjoo e a indigestão. Chás como o de hortelã ou o de erva-doce são ótimos para te ajudar nesse momento. 

Escolha alimentos nutritivos

Não estou falando de um detox ou para adotar uma nova dieta restritiva para compensar a comilança do feriado. A dica, na verdade, é sobre escolher alimentos anti-inflamatórios e antioxidantes que também podem ajudar com o inchaço e indisposição pós-Páscoa. Ou seja, evite comidas muito pesadas e cheias de gorduras, uma vez que elas irão apenas piorar a situação. 

Publicidade

Prefira alimentos naturais (se possível orgânicos) e nutritivos para retornar para a rotina saudável. Uma salada de frutas ao invés do ovo de Páscoa é uma boa ideia, ou então um frango com legumes ao invés de um estrogonofe também pode ser melhor para você. 

A atividade física ainda existe, tá? 

Volte aos poucos com os exercícios físicos (1) (1)
Volte aos poucos com os exercícios físicos/Foto: Pixabay

Obviamente você não vai sair do almoço de Páscoa e correr uma maratona, mas não deixe que o furo na dieta te desanime de continuar a movimentar seu corpo. Aliás, fazer algum tipo de exercício físico pode muito bem ajudar a sua digestão e desinchar seu corpo. Logo logo seu organismo voltará a se sentir disposto e sua rotina de exercícios poderá voltar ao normal. 

O almoço de Páscoa não se resume em calorias

O almoço em família, amigos ou até mesmo sozinho é muito mais do que as calorias que você come. Não se culpe de ter passado um pouco dos limites, afinal, os momentos felizes não devem ser contados, certo? 

Publicidade

Portanto, não adianta tentar encontrar fórmulas mágicas para emagrecer, pois elas não existem. O que podemos fazer agora é recuperar seu corpo aos poucos de maneira natural e saudável!